Breno Mello, o “Orfeu Negro”, ganha cinebiografia

Breno Mello, o “Orfeu Negro”, ganha cinebiografia

Produção francesa rodada no Brasil em 1959, “Orfeu Negro” recebeu vários louros na época, como a Palma de Ouro em Cannes, Globo de Ouro e Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Até Barack Obama elogiou o filme.

Dirigido por Alexandre Derlam e Rene Goya Filho, o curta é uma cinebiografia de Breno Mello, 76 anos (ele faleceu em 2008), ex-operário, jogador de futebol e célebre protagonista do filme dirigido por Marcel Camus.

A identidade de Breno se confunde com a do mito e a do personagem Orfeu da Conceição. Este documentário apresenta depoimentos, trechos de filmes e lembranças de um brasileiro que conjugou futebol, cinema e bossa nova.

Breno foi reverenciado no exterior mas esquecido no Brasil.